www.jornalocal.com.br / Cultura / Cinema / Prefeito de Campinas inspeciona obras de reforma do Centro de Convivência

Prefeito de Campinas inspeciona obras de reforma do Centro de Convivência

O Centro de Convivência Cultural de Campinas Carlos Gomes contava antes da reforma com área total de 6 mil metros quadrados, sendo 4 mil metros quadrados na área externa, onde fica o teatro de arena, com capacidade para 3 mil pessoas.

O prefeito de Campinas, Dário Saadi, visitou na manhã desta quinta-feira, dia 18 de fevereiro, as obras de reforma do Centro de Convivência Cultural de Campinas Carlos Gomes. Acompanharam a visita a secretária municipal de Cultura, Sandra Ciocci, o secretário municipal de Infraestrutura, Carlos José Barreiro.

“Estou acompanhando de perto essa obra que é muito importante para a cultura, não só da cidade de Campinas, mas de todo o País”, declarou o prefeito. Dário Saadi inspecionou a reforma, que nesta primeira fase, inclui toda a parte de alvenaria e a estrutural.

Segundo a secretária municipal de Cultura, Sandra Ciocci, a importância dessa obra é a revitalização desse espaço para que a população e toda a comunidade cultural possam fazer uso desse equipamento público. “O Centro de Convivência sempre foi um polo de atração cultural em nossa região e um ponto de referência da memória afetiva da população. É um sonho antigo da classe artística reocupar esse espaço”, destacou.

Sandra Ciocci destacou a adequação de acessibilidade que terá o Centro de Convivência, quando estiver pronto. “Teremos acessibilidade ao público e também ao artista com deficiência”, disse. A secretária explicou que o equipamento terá acessibilidade por plataformas ao palco para pessoas que não possam utilizar das escadas com a parte interna da produção.

O secretário municipal de Infraestrutura, Carlos José Barreiro, explicou que a obra de reforma abrange duas etapas. Na primeira fase, os investimentos são da ordem de R$ 19 milhões (recursos provenientes de um convênio entre a Prefeitura e governo do Estado de São Paulo) para a construção de um novo sistema de drenagem, a eliminação de infiltrações, de fissuras e reparos na estrutura de concreto armado, uma nova impermeabilização e substituição completa das redes elétrica e hidráulica e adequações para acessibilidade e para atender às normas de segurança do corpo de bombeiros. Na segunda etapa, serão trocados os equipamentos da área cênica, de iluminação e de acústica do teatro.

“O objetivo dessa obra, na primeira fase, será recompor toda a impermeabilização e uma reforma completa no interior do teatro, colocando ele nas condições que um espaço como esse tem que ter”, afirmou. A obra, segundo ele, está dentro do cronograma previsto. A previsão é que toda reforma esteja concluída até o final de 2022.  

O projeto de recuperação foi elaborado pela empresa Falcão Bauer, custeado por um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), e preserva a ideia original do arquiteto que projetou o local, Fábio Penteado. O complexo é um patrimônio arquitetônico, um dos equipamentos culturais mais importantes de Campinas e região.  

O Centro de Convivência Cultural de Campinas Carlos Gomes contava antes da reforma com área total de 6 mil metros quadrados, sendo 4 mil metros quadrados na área externa, onde fica o teatro de arena, com capacidade para 3 mil pessoas.

Na área interna são 2 mil metros quadrados, com saguão, 6 salas (de espetáculo, de ensaio, técnica e administrativa), teatro Luís Otávio Burnier, com mais de 500 lugares (homenagem ao ator e diretor de teatro campineiro), 4 galerias, 8 camarins e banheiros.

A obra foi inaugurada em 9 de setembro de 1976 e foi interditada em dezembro de 2011. Chegou a reabrir parcialmente entre janeiro e fevereiro de 2012 para a Campanha de Popularização do Teatro e, em dezembro de 2014, a Orquestra Sinfônica de Campinas apresentou um concerto no Teatro de Arena após a finalização de testes de resistência que comprovaram a segurança da estrutura.

Com a reforma, o Centro de Convivência terá novos banheiros públicos, novos camarins, espaço destinado ao arquivo de partituras da Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, sala de ensaio para a orquestra e novas salas multiuso.

Sobre Jornal Local

Veja também

Feira de Natal no Centro de Convivência tem início no próxima sexta, dia 4

Nas barracas de alimentação, o produtos poderão ser consumidos no local, mas com distanciamento. Com …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *