Animais da população em situação de rua serão vacinados e microchipados - Jornal Local
segunda-feira , 20 agosto 2018
Home / Blogs / Mundo Animal / Animais da população em situação de rua serão vacinados e microchipados

Animais da população em situação de rua serão vacinados e microchipados

Ações de vacinação, vermifugação e microchipagem do DPBEA com os animais da população em situação de rua
Ações de vacinação, vermifugação e microchipagem realizadas pelo Departamento do Bem Estar Animal (DPBEA) com os animais de um grupo de pessoas que vivem em situação de rua abrem mais um canal de aproximação junto a esse público no trabalho contínuo de convencê-los a buscar um novo projeto de vida.
Depois de uma aproximação feita com a equipe do Consultório na Rua, num atendimento em frente da Catedral Metropolitana, a equipe do DPBEA agendou uma visita com essas pessoas que têm vários animais sob seus cuidados. No dia 22 de junho, em local previamente combinado (Rua Barão Geraldo de Rezende, 241), sete animais foram vacinados, vermifugados e microchipados.
De acordo com a servidora Lara Sofia Frigeri, os animais são bem cuidados e estão com essas pessoas há muito tempo. “Além das vacinas, microchipagem e vermifugação também oferecemos a castração dos animais e outros suportes que necessitem”, contou.
A equipe terá que retornar ao local, pois ainda ficaram faltando alguns animais para serem vacinados. Mas o trabalho será contínuo já que a vacinação é anual e, a partir da implementação do Plano Intersetorial de Atenção à População em Situação de Rua, a equipe do DPBEA passa a integrar as ações de curto, médio e longo prazos indicadas no Plano.
Durante a ação, o grupo recebeu as informações referentes à importância de vermifugar e vacinar anualmente os animais e também sobre os cuidados adequados e a possibilidade de castração. “Foi uma ação muito bacana e os animais estão protegidos por este ano”, reforçou Lara.
Plano Intersetorial
O Plano Intersetorial de Atenção à População em Situação de Rua, apresentado no último dia 14 de maio, prevê ações de curto, médio e longo prazos. A proposta é integrar as políticas públicas de diferentes áreas para qualificar o trabalho desenvolvido pela Prefeitura de Campinas no atendimento a esse público.
Entre as ações imediatas, em andamento, além da vacinação e vermifugação dos animais, estão a intensificação da lavagem de ruas e praças da região central, a atuação do “Cata-treco” com uma equipe exclusiva que percorre diariamente as ruas centrais da cidade com um caminhão fazendo a coleta de bens móveis abandonados pelas pessoas, sempre acompanhados pela Guarda Municipal que também usa seu contingente no trabalho de orientação para que as pessoas em situação de rua não fiquem nos semáforos.
O Plano prevê ainda a integração de todas as políticas públicas das áreas de Saúde, Educação, Assistência Social, Esporte e Lazer, Habitação, Trabalho e Renda, Serviços Públicos e com as iniciativas da própria comunidade tendo em vista a qualificação do trabalho desenvolvido no município.
Atualmente, o Comitê criado pelo Decreto nº 19.874, que acompanha a implementação das ações está em processo de elaboração de fluxos de trabalho entre as diferentes políticas públicas com o intuito de agilizar o atendimento à população em situação de rua para que, por intermédio da orientação, seja possível reconstruir com essas pessoas formas de utilizar os serviços públicos.
Todo esse trabalho é um subsídio importante para a construção da Política Pública Municipal para a População em Situação de Rua.

Sobre Jornal Local

Veja também

Coisas que os zoológicos não te contam

  Os zoológicos são, hoje, um dos meios de entretenimento e diversão que as pessoas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *