www.jornalocal.com.br / Gastronomia / Chef ensina receita de sorvete rápida e prática

Chef ensina receita de sorvete rápida e prática

O país está entre os 10 maiores produtores da sobremesa no mundo, mas o brasileiro consome, em média, 5,5 litros de sorvete por ano, ainda abaixo do consumo dos países nórdicos (Suécia, Dinamarca e Noruega), que consomem três vezes mais do que o Brasil

No dia 23 de setembro se comemora o Dia Nacional do Sorvete, instituído pela Associação Brasileira das Indústrias do Setor de Sorvetes (Abis). Segundo a instituição, o Brasil está entre os 10 maiores produtores da sobremesa no mundo, mas o brasileiro consome, em média, 5,5 litros de sorvete por ano, ainda abaixo do consumo dos países nórdicos (Suécia, Dinamarca e Noruega), que consomem três vezes mais do que o Brasil, e os Estados Unidos, que tem uma média per capita de 20,8 litros por ano.

A expectativa é de que esses números aumentem nos próximos anos, principalmente com a quebra de alguns mitos relacionados ao sorvete, como o seu consumo durante épocas frias ou chuvosas provocar gripes. Para a chef Adriana Gomes, o Brasil também conta com a temperatura mais elevada como atrativo para consumir esse doce. “O nosso país é tropical e, quando está mais quente, é bem mais comum as pessoas buscarem algo mais refrescante”, destaca.

A chef também destaca que as pessoas podem fazer a sobremesa em casa com uma receita mais prática e rápida. A convite da Marajoara Laticínios Adriana preparou nesta semana uma receita de sorvete prático de flocos que usa até cinco ingredientes com destaque para o leite condensado e o creme de leite.

“Basta que a pessoa bata a massa em uma batedeira, coloque-a em uma fôrma de bolo e depois leve para o freezer e deixe congelando. A sobremesa leva até seis horas de preparo, ou seja, a pessoa pode começar a fazer pela manhã e servir no almoço ou começar após o almoço e servir no jantar”, explica Adriana. A receita completa e o modo de preparo estão disponíveis no site e nas redes sociais da Marajoara.

Adriana destaca que esse sorvete é popularmente conhecido como sorvetão e é mais fácil de se fazer que o creme e podem ser escolhidos diversos sabores. “O mais tradicional pode demorar até um dia para ficar pronto. Além disso, a partir da massa base do sorvete, as pessoas podem escolher os sabores conforme o seu gosto”, detalha a chef.

Sobre Jornal Local

Veja também

Em plebiscito, chilenos votam por redigir nova Constituição

Muitos manifestaram esperanças de que um novo texto vai moderar um viés amplamente capitalista com …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *