quinta-feira , 25 abril 2019
Home / Esportes e Lazer / Flamengo assina permissão de uso do Maracanã

Flamengo assina permissão de uso do Maracanã

Faltando 100 dias para o início da Copa do Mundo, o estádio Mário Filho, Maracanã, foi iluminado de verde e amarelo

O governo do Rio de Janeiro assinou hoje (12) a permissão de uso temporária do estádio do Maracanã ao Flamengo, que dividirá a gestão com o Fluminense.

A permissão vai vigorar por 180 dias, podendo ser prorrogada por mais 180. Nesse período, o estado vai preparar um edital para a concessão definitiva do estádio. As mudanças na administração do Maracanã começaram em 18 de março, quando o governo anunciou que cancelaria a concessão ao Consórcio Maracanã S/A.

Na cerimônia de assinatura, o governador Wilson Witzel disse que a mudança vai aumentar a renda dos clubes em jogos no estádio. “O mandante fica com a bilheteria e mais a arrecadação da alimentação e das bebidas. Isso é bom para todos os clubes. Todos os que estiverem ali jogando estarão sendo beneficiados”.

O termo de permissão de uso incluiria o Fluminense também, mas o clube não tinha as Certidões Negativas de Débito para receber a permissão. Na cerimônia, o governador chegou a dizer que o responsável pela gestão era o Flamengo. “Vou cobrar do Flamengo”, acrescentou. O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, disse, no entanto, que os clubes vão dividir os custos e a gestão de forma igualitária.

“O governo fez algo que há muito tempo é a aspiração dos torcedores do Rio de Janeiro, que é entregar o estádio a quem tem público e que leva público ao estádio”, disse Landim

O presidente do Fluminense, Pedro Adad, explicou que as dívidas que impediram a obtenção da certidão já foram levantadas e os recursos para quitá-las estão sendo reservados. “Assim que a gente apresentar a documentação, a gente passa juridicamente à mesma situação de permissionário”, disse, acrescentando que o novo modelo vai beneficiar todos os clubes. “Não só Flamengo e Fluminense, mas Vasco e Botafogo também estão mais do que convidados. Eles também construíram a história do Maracanã”.

O Maracanã também servirá de sede para a Secretaria Estadual de Esporte, Lazer e Juventude e para a Secretaria Estadual de Turismo. O governo pretende reforçar a atratividade turística do Maracanã e divulgar cidades do interior nos espaços de convivência do estádio durante as partidas.

Sobre Jornal Local

Veja também

PM impede torcida do Sport de Recife de protestar contra reforma de Bolsonaro

Faixa “Torcedor/a é trabalhador/a e também quer se aposentar”, levantada durante a partida entre o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *