Home / Internacional / Tribunal de Tóquio concede liberdade a Ghosn pela segunda vez

Tribunal de Tóquio concede liberdade a Ghosn pela segunda vez

Ghosn havia sido liberado no dia 6 de março, depois de passar 108 dias em detenção

O Tribunal Distrital de Tóquio concedeu liberdade sob fiança, pela segunda vez, ao ex-presidente do Conselho de Administração da Nissan Motor, Carlos Ghosn, nesta quinta-feira (25).

Ghosn havia sido liberado no dia 6 de março, depois de passar 108 dias em detenção, pagando uma fiança no valor de US$ 9 milhões, mas foi preso novamente no dia 4 de abril.

O tribunal determinou uma fiança adicional no valor de US$ 4 milhões.

Os promotores devem recorrer à decisão da corte de conceder liberdade a Ghosn. Caso o tribunal rejeite o recurso e Ghosn pague a fiança, ele poderá sair do Centro de Detenção de Tóquio ainda hoje.

*Com informações da NHK (emissora pública de televisão do Japão)

Sobre Jornal Local

Veja também

Maia indica que reforma da Previdência pode ser votada nesta quarta

Mobilização da CUT, demais centrais e movimentos sociais continua no Congresso Nacional para barrar reforma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *