www.jornalocal.com.br / Política / Plano de Desenvolvimento Turístico de Campinas é enviado para a Câmara

Plano de Desenvolvimento Turístico de Campinas é enviado para a Câmara

Entre os objetivos do plano está o de pleitear que Campinas passe a ser Município de Interesse Turístico (MIT).

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, assinou nesta quarta-feira, dia 2 de dezembro, o Plano de Desenvolvimento Turístico de Campinas. O documento será encaminhado à Câmara Municipal e é uma ferramenta de planejamento estratégico para o turismo da cidade. “Este plano é mais um ato no sentido de ajudar Campinas a retomar atividade econômica, retomar os empregos e renda para a população por meio do turismo”, disse o prefeito. 

É o primeiro plano da cidade em que o turismo é focado como atividade de desenvolvimento. O setor sempre teve uma relevância como uma atividade econômica, sobretudo, o turismo de negócios, que é um dos pilares de desenvolvimento do município.

“Mas, nos faltavam ferramentas de gestão pública para que o empresário possa seguramente investir e para que a gente também tenha um norte”, acrescentou a diretora municipal de Turismo, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Social e de Turismo, Alexandra Caprioli, que participou, ao lado do prefeito, em transmissão ao vivo pelas redes sociais.

O plano traz um inventário de todos os atrativos da cidade. Também faz um estudo da demanda, que é quem vem para Campinas, por que razões, e traça prognósticos de diretrizes que podem ser desenvolvidas nesta área. 

Entre os objetivos do plano está o de pleitear que Campinas passe a ser Município de Interesse Turístico (MIT). Esses municípios de interesse turístico recebem recursos anuais do Governo do Estado para serem destinados a investimentos na infraestrutura turística. Para que o município possa receber recursos e apoio é preciso ter o plano. 

O plano busca também aumentar a competitividade turística do município; organizar e qualificar a oferta cultural, de lazer e entretenimento, visando ampliar a oferta de serviços para a comunidade e para o turista de negócios; planejar e estruturar de forma organizada o conjunto de propostas que fomentarão o desenvolvimento de turismo.

Potencial 

Campinas tem, além do turismo de negócios, outros segmentos que demonstram o potencial turístico: gastronômico, cultural, aventura, rural, religioso, compras, tecnologia e inovação. 

Alexandra Caprioli destacou o trabalho para a elaboração do plano, que demandou um ano, várias oficinas, o envolvimento de mais de cem pessoas dos segmentos do turismo de eventos e negócios, da área de cultura e história, turismo de aventura, lazer, ecoturismo, entre outros. “Cada uma dessas pessoas deu a sua contribuição e se viu refletida nesse trabalho.” 

O plano teve a supervisão técnica do Senac. “A coordenação de planejamento e informação foi de Eros Vizel, da Diretoria de Turismo, que é o pai desse plano. Todo nosso departamento se debruçou sobre esse plano que, com muito orgulho, entregamos para a cidade, e que vai dar nos um norte dos próximos dez anos para o desenvolvimento do turismo”, destacou a diretora.

Sobre Jornal Local

Veja também

Receita Federal e Polícia Federal deflagram operação de combate a fraudes e ilícitos tributários

Receita Federal identificou desvios de verba superiores a R$ 26 milhões; autuações podem superar R$ …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *