terça-feira , 20 novembro 2018
Home / Campinas e Região / Escola Tomás Alves comemora centenário com ensino de qualidade

Escola Tomás Alves comemora centenário com ensino de qualidade

Atividades culturais, a presença de autoridades, ex-alunos e professores marcam a semana na escola

 

A Escola Dr. Tomás Alves localizada no distrito de Sousas vai comemorar o centenário, nos dias 24 à 28 de setembro.

Para as festividades, a direção receberá a visita de autoridades de ensino, professores, ex-professores e personalidades que se destacaram na vida acadêmica da escola.

Na programação, a escola preparou uma apresentação de coral e exposição de objetos históricos, oficinas abertas, aos alunos e pais, durante toda a semana de festividade.

De acordo com o novo diretor Luís Fernando Ferreira Pinto, que assumiu, no final do mês de julho,  a primeira ação é transformar o espaço escolar, em ambiente mais acolhedor, para que o aluno, e a comunidade percebam a importância da escola em suas vidas.

Fernando, também já atuou em 2006, como professor de patrimônio Histórico e Cultural. Na época desenvolveu um projeto de resgate da memória dos distritos. É mestrando pela Faculdade de Educação da Universidade de Campinas, e formado em educação e inserção social pelo Instituto Federal de Campinas.

Hoje, a escola conta com 800 alunos, 60 professores e 10 funcionários, além de uma biblioteca, laboratório de informática, quadra esportiva e refeitório, onde são servidos três refeições diárias.

As verbas do governo do Estado para manutenção do prédio, não são suficientes para atender todas as necessidades.

Para comemorar o centenário, a direção da escola contou com a ajuda de empresas, voluntários e professores para dar um novo design na entrada do colégio. O prédio recebeu uma  nova pintura, o jardim ganhou um projeto paisagístico da empresa Paisagismo Furcolin, que cedeu a mão de obra, madeira para os bancos e algumas espécies de plantas. A Ceasa Campinas, através de seu presidente Wander Vilalba também participou da empreitada com a doação de algumas plantas. A Associação de Gastronomia (ADEGAS) também participou do projeto com a doação de um letreiro para a escola.

Segundo Fernando, a preparação e a comemoração do centenário está aproximando, a escola do aluno. “O mesmo acontece na relação entre escola e comunidade”.

Projeto paisagístico de Alexandre Furcolin

“Penso que Sousas é diferente de outras escolas de Campinas, pois o professor mesmo com todas as dificuldades consegue realizar um bom trabalho. Dessa forma, o cenário de conflitos dentro da escola são fáceis de solucionar”, afirma Fernando.

“No geral faltam políticas públicas consistentes, que atenda de fato, a comunidade em relação aos conhecimentos adequados no decorrer da história da humanidade

Participam do projeto da reforma do colégio, o vice diretor Marcos Romeiro, o corpo docente, professor Donizete Coutinho, a professora Marília Ribeiro Pereira e Edilene.  O Tomás Alves recebeu apoio do dirigente regional de ensino, Nivaldo Vicente e a supervisora Norma.

Sobre Jornal Local

Veja também

Receita Federal localiza cocaína em duas cargas no Porto de Santos

A primeira carga consiste em minério com destino à Antuérpia, na Bélgica. A Alfândega da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *