terça-feira , 19 fevereiro 2019
Home / Blogs / Cidades / Reforma e ampliação do Centro de Saúde deve esperar mais um pouco

Reforma e ampliação do Centro de Saúde deve esperar mais um pouco

No último mês de julho, médicos, funcionários e usuários do Centro de Saúde de Sousas pararam parcialmente o atendimento para protestarem contra a construção de uma praça, ao lado da unidade médica.

Os servidores reclamam da construção da praça, e alegam, que há muitos anos há uma solicitação feita na Prefeitura para ampliação do Centro de Saúde. Mas, na época, a Administração disse que não podia, porque o terreno pertencia à Fepasa.

Na ocasião, os manifestantes seguiram até a subprefeitura de Sousas e cobraram ações do subprefeito Mauro Calvo. Em consenso, manifestantes acordaram, que o subprefeito iria tentar uma agenda, na segunda semana de agosto, com o secretario de Saúde Cármino Antonio Souza. Mauro também assumiu junto com os manifestantes uma visita técnica do engenheiro da Prefeitura para avaliar as condições estruturais do prédio.

Na última semana, o subprefeito se reuniu com a coordenadora do Centro de Saúde Nicole Montenegro, e o conselheiro de Saúde Maurício Godoy, para apresentar um plano de trabalho de manutenção do prédio, que será executado pela subprefeitura de Sousas até a primeira quinzena do mês de setembro.

Em relação a reunião com o secretario, Mauro informou que a Prefeitura está buscando recursos para construção do novo prédio no Jardim Conceição, mas que ainda não será possível nesse momento.

Segundo ele, tem acompanhado de perto as demandas do distrito, e dentro do possível dado apoio, mas ressalta que alguns pedidos fogem a sua alçada. Ele, também informou, que conseguiu um espaço de 50 metros na praça para uso do Centro de Saúde.

De acordo com o conselheiro Maurício Godoy, se o subprefeito não cumprir  com o combinado na reunião, os conselheiros e usuários vão entrar com um pedido no Ministério Público (MP) pedindo melhores condições de atendimento aos usuários, contratação de médicos e a reposição de remédios básicos no Centro de Saúde de Sousas.

Sobre Jornal Local

Veja também

OMS alerta para possível 3ª onda de surto de febre amarela no Brasil

De acordo com a OMS, entre os casos confirmados em humanos, 89% deles foram identificados …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *