Home / Última Hora / Após um ano, reforma do Centro de Saúde é concluída, em partes

Após um ano, reforma do Centro de Saúde é concluída, em partes

O telhado do Centro de Saúde foi totalmente reformado, a fachada e os alambrados ganharam pintura, e também um novo paisagismo com o plantio de gramas.

Julho completou um ano de protestos, manifestações e conversações para que o Centro de Saúde de Sousas pudesse receber as reformas necessárias e dar continuidade aos serviços prestados à população.

Embora a Prefeitura tenha entregado a reforma do Centro de Saúde, entretanto, foi entregue em partes. Falta ainda, a compra da autoclave, quebrado há meses, a troca dos mobiliários, que estão enferrujados e adaptados, a reforma completa dos banheiros e readequação de atendimento da farmácia.

No ano passado, médicos, funcionários pararam parcialmente o atendimento para protestarem contra a construção de uma praça, ao lado da unidade médica, enquanto o Centro de Saúde sofria com a precariedade do prédio. A manifestação seguiu pelas ruas do distrito até a subprefeitura de Sousas, quando então cobraram ações do subprefeito Mauro Calvo.

Na época, o subprefeito se comprometeu a trazer o secretario de Saúde Cármino Antonio Souza para uma visita ao local. Mauro também assumiu junto com os manifestantes uma visita técnica do engenheiro da Prefeitura para avaliar as condições estruturais do prédio. O vice-prefeito Henrique Magalhães Teixeira visitou por duas vezes a unidade de Sousas e se comprometeu em agilizar a reforma do espaço.

Na última semana do mês de maio, o subprefeito se reuniu com a coordenadora do Centro de Saúde Nicole Montenegro para apresentar um plano de trabalho de reforma dos telhados, pintura, reforma dos alambrados e colocação de gramas, trabalho executado com a mão de obra dos reeducandos e coordenado pela subprefeitura de Sousas.

Recentemente o subprefeito foi solicitado para ajudar na retirada de entulhos do Clube Recreativo Sousense. “Eu tenho acompanhado de perto todas as demandas do distrito, e dentro do possível dado apoio, mas alguns pedidos fogem a minha alçada”, ressalta Mauro.

Atendimento

O Centro de Saúde de Sousas realiza em média, cerca de 370 atendimentos por dia, e para atender toda esta demanda o prédio precisava de uma reforma. A equipe é composta por 70 profissionais especializados, entre eles estão médicos, coletores de exames, atendimento. São 18 mil usuários cadastrados no sistema de atendimento, a unidade de Sousas atende também a Vila Brandina.

De acordo com o conselheiro de Saúde Maurício Godoy, a demanda de atendimento aumentou, porque a classe média perdeu poder aquisitivo e deixou de pagar o plano de saúde. “Temos outro problema, antes a população de Sousas era de 15 mil pessoas, e hoje já passa de 28 mil moradores”, disse Maurício.

Verba para reforma

O ex-deputado estadual e atual vereador Gustavo Petta (PCdoB) conseguiu através de uma emenda parlamentar, a liberação pelo Ministério da Saúde, de uma verba de R$ 300 mil para a compra de equipamentos do Centro de Saúde de Sousas.

No momento, a emenda aguarda apresentação do projeto pela Prefeitura de Campinas ao Governo Federal e Caixa Econômica Federal, para que o pagamento seja efetivado.

Segundo Juliana Guidolin, assessora de comunicação da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Campinas, disse que a verba já foi liberada e o projeto estrutural encontra-se em fase de desenvolvimento na Secretaria de Infraestrutura.

Excelência no atendimento

A reportagem do Jornal Local conversou com alguns pacientes sobre a qualidade do atendimento, e todos elogiaram a prontidão que o Centro de Saúde tem para realizar os procedimentos e a rapidez nos exames. Os pacientes também elogiaram os médicos e auxiliares que são sempre atenciosos e se desdobram para ajudar. O Centro de Saúde também é excelência no atendimento em clínica dentária, que segundo Nicole são três profissionais que chegam a atender com agendamento prévio, 15 pessoas por dia. “Nosso único problema nessa área, é que a esterilização dos materiais é feita no São Quirino, pois nosso aparelho de autoclave ainda não foi consertado”, informa Nicole Montenegro.

No setor de Saúde Mental, o Centro de Saúde conta com um psiquiatra, um psicólogo, uns terapeutas ocupacionais e residentes do Cândido Ferreira, além de ser um campo de estágio para estudantes da Unicamp e do SESI.

A farmácia que funciona em horários específicos, distribui em média 200 medicamentos por dia e a retirada só é feita com receita médica.

Serviço:

Centro de Saúde de Sousas

Rua Antônio Prado, 410

Horário de funcionamento: de segunda à sexta-feira das 7h às 21h

Sobre Jornal Local

Veja também

Moradores da Capital, Itapevi e Campinas são sorteados nos prêmios principais da Nota Fiscal Paulista de agosto

Para concorrer, o consumidor que pede a Nota Fiscal Paulista deve se cadastrar no site …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *