quinta-feira , 18 julho 2019
Home / Última Hora / Cidades / Rede de esgoto chega ao San Conrado e beneficiará 7.600 pessoas

Rede de esgoto chega ao San Conrado e beneficiará 7.600 pessoas

Ao todo, serão 2.152 ligações domiciliares.

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, e o presidente da Sanasa, Arly de Lara Romêo, assinaram no dia 20 de dezembro, a Ordem de Serviço para o início da implantação da rede de esgoto no Loteamento Caminhos de San Conrado, em Sousas, que beneficiará 7.600 habitantes. A cerimônia de assinatura também contou com a presença do vice-prefeito, Henrique Magalhães Teixeira.

O projeto consiste na instalação de 44 quilômetros de rede coletora de esgoto, quatro estações elevatórias e 1.980 metros de linhas de recalque. Todo o esgoto coletado será direcionado para a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Sousas/Joaquim Egídio, inaugurada em julho de 2.013. Ao todo, serão 2.152 ligações domiciliares.

O investimento é da ordem de R$ 24.300.000, sendo R$ 23.085.000 (correspondente a 95% do total) financiados pela Caixa Econômica Federal e R$ 1.215.000 com contrapartida da Sanasa. A obra será executada pela Gimma Engenharia Ltda. e o prazo para a conclusão é de 18 meses a partir do início do trabalho.

De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Campinas, as obras serão iniciadas a partir da assinatura da ordem de serviço, e que não haverá setorização por ruas. Aligação da rede de esgoto, entre a residência e a rede instalada da Sanasa, terá que ser solicitada pelo morador no momento em que ele for informado, mediante comunicado que será entregue na residência.O valor da rede e ligação de esgoto pode ser parcelado em até 36 parcelas de R$ 156,92.

Segundo o presidente da Sanasa, assim que a obra for concluída, as fossas, hoje utilizadas no loteamento, serão desativadas, representando um grande avanço para o meio ambiente. Arly de Lara reforçou ainda a importância do saneamento para a saúde. “Fazer saneamento é assegurar melhor qualidade de vida e, em decorrência, afastar doenças da população, sobretudo as respiratórias, verminoses e de outras de veiculação hídrica”.

O ex-presidente do San Conrado, Sebastião Torres ressaltou a importância da chegada do saneamento básico no loteamento e enfatizou que moradores aguardam essa benfeitoria há muitos anos. “Na minha gestão como presidente do San Conrado, a nossa administração sempre esteve à frente e priorizou a questão ambiental. Como vereador e membro do Congeapa, também participei ativamente da implantação da Estação de Tratamento de Esgoto de Sousas. E nesse momento vejo como uma conquista da população do nosso San Conrado”, salientou.

O loteamento Caminhos de San Conrado foi criado em 1.987. Em 2.000, por meio de um decreto, passou a ser loteamento fechado Caminhos de San Conrado. “O San Conrado é um grande loteamento, mas que ainda não tem rede de esgoto é fossa, e ambientalmente isso não é correto. Esta é uma obra que fica embaixo da terra, as pessoas não vêem, mas é de grande importância”, explicou o prefeito.

Sobre Jornal Local

Veja também

IMA em Campinas abre concurso para cinco cargos

A IMA ainda atua em Campinas na área de atendimento ao público, participando da operação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *