www.jornalocal.com.br / Blogs / Cidades / Começam preparativos para implantação do centro de atendimento para pacientes com sequelas da Covid-19

Começam preparativos para implantação do centro de atendimento para pacientes com sequelas da Covid-19

Ouro Verde desativou hoje 28 leitos que estavam destinados para enfermaria do coronavírus

 

 

O Complexo Hospitalar Prefeito Edivaldo Orsi (Hospital Ouro Verde) desativou hoje, terça-feira, dia 31 de agosto, 28 leitos de enfermaria Covid que foram instalados em março, quando a cidade vivia uma demanda crescente por internações pela pandemia. A área onde estavam implantados começará a ser preparada para receber um centro multidisciplinar de atendimento aos pacientes com sequelas deixadas pela Covid-19.

Nesse centro serão atendidas pessoas com problemas pulmonares, neurológicos, circulatórios, neuromusculares, entre outros, Também será disponibilizado serviço de reabilitação com fisioterapia, fonoterapia, terapia ocupacional e psicologia.

Os pacientes serão atendidos inicialmente nas unidades básicas de saúde, que avaliarão cada situação e farão o encaminhamento ao centro multidisciplinar, onde será definido um programa de atendimento para cada um. Ainda não foi definido prazo para início do funcionamento.

Antes de ser transformado em enfermaria Covid, o local já era utilizado para reabilitação de pacientes, com uma média de cinco mil atendimentos mensais. Essa área passará por limpeza, receberá divisórias para poder garantir o distanciamento necessário dos pacientes e terá capacidade para 3,5 mil atendimentos mensais.

 

Retomada das cirurgias eletivas

As mudanças já definidas possibilitarão, quando estiverem implantadas, ampliar a oferta de leitos de enfermaria para pacientes não Covid dos atuais 163 para 213. A nova situação viabilizará a retomada das cirurgias eletivas.

As mudanças se darão em duas etapas. Na quinta-feira, 2 de setembro, o Hospital Ouro Verde fará a conversão de 20 leitos de enfermaria Covid para receber pacientes clínicos, e no dia 9 de setembro, o Hospital Municipal Mario Gatti desativará 30 leitos de UTI Covid. Na área onde estão instalados, serão implantados 30 leitos de enfermaria cirúrgica.

Com a reestruturação, a Rede Mário Gatti passará a contar com 60 leitos de UTI Covid nos hospitais Ouro Verde e Mário Gatti-Amoreiras e 86 leitos de enfermaria Covid nos hospitais Ouro Verde, Mario Gatti-Amoreiras e na UPA Carlos Lourenço.

 

Sobre Jornal Local

Veja também

Distrito de Joaquim Egídio passa a ter Feira de Artesanato e Agroecologia

O público vai poder curtir um repertório selecionado de sambas que abordam as questões atuais …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *